Como saber se tenho direito ao PIS

Como saber se tenho direito ao PIS

O PIS 2018 é um dos maiores programas de integração social, é um benefício do Governo Federal, que por meio da Caixa Econômica Federal distribui essa verba para os beneficiados com o programa, o benefício é concedido somente a pessoas que trabalham em empresas privadas e que se enquadram nos requisitos de participação do PIS. Mas afinal, como saber se tenho direito ao PIS? Para responde a essa pergunta, vamos explicar abaixo as regras do programa, para você saber e consultar as regras do programa.

Como saber se tenho direito ao PIS
Como saber se tenho direito ao PIS

Por isso, é importante e fundamental que o trabalhador tenha conhecimento dessa numeração, o benefício é garantido por lei, aonde todo o trabalhador que se enquadra nos requisitos de recebimento do benefício recebe um salário mínimo a mais durante o ano.

Esse benefício é conhecido também como o abono salarial do cidadão brasileiro, um dinheiro a mais que ajuda no orçamento familiar. Além desse dinheiro que é concedido pelo o programa, o número do PIS garante ao cidadão outros benefícios sociais, tais como FGTS, seguro desemprego entre outros, por conta disso, essa numeração é muito importante.

O grande problema é que o trabalhador não sabe como deve consultar essa numeração ou até mesmo se possui direito ao benefício. É preciso que fique bem claro que o número do PIS (Programa de Integração Social) é o mesmo que o número do NIT (Número de Identificação do Trabalhador), a denominação PIS foi nomeada recentemente, antes o benefício era conhecido como NIT.

Atenção: além de ter que cumprir as regras do PIS para receber o benefício, é necessário estar dentro do período de saques do calendário PIS 2018 para conseguir receber o benefício.

Como faço para saber se tenho direito ao PIS?

Para saber se você é um beneficiário legível ao programa, basta atenta-se as regras a seguir:

  1. Ter cadastro no PIS de no mínimo 5 anos, o cadastro é realizado assim que o trabalhador assinar a carteira de trabalho pela a primeira vez;
  2. Trabalhar de carteira assinada pelo menos 30 dias, ou seja, 1 mês do ano anterior ao vigente, o pagamento do PIS é feito de acordo com o ano anterior, ou seja, pera você receber o programa em 2017, você precisa trabalhar pelo menos 30 dias no ano de 2016;
  3. Trabalhar em uma empresa privada de carteira assinada, isto é extremamente importante para que o trabalhador receba a o benefício;
  4. Ter os dados atualizados e cadastrado no RAIS – Relação Anual de Informações Socioeconômica, quem deve manter esse item em dia é a empresa, por isso, verifique ser a empresa tem passado esses dados;
  5. O trabalhador deve receber até dois salários mínimos nacionais mensal.

Para ser ter direito ao PIS basta cumprir todos os requisitos do programa é pronto você terá direito a receber o benefício.

Como consultar o PIS?

Existem 3 formas simples de ser consultar o benefício, a consulta pode ser realizada através das agências, por telefone e online.

Agências Caixa Econômica Federal

Para consultar o benefício é necessário que o beneficiário compareça a uma agencia da Caixa ou em qualquer posto de atendimento conveniado, isso inclui também as casas lotéricas, é necessário que você tenha em mãos o número do seu PIS 2018 e o seu documento de identificação original com foto.

Consulta PIS por Telefone

Através da central de atendimento é possível que você saiba saldo, lançamentos futuros e as datas de saque do seu benefício, o telefone da central de atendimento é o 0800 726 0207 a central funciona de segunda a sexta das 08h às 22h, sábado das 10h às 16h, a ligação pode ser feita tanto de um telefone móvel quanto um convencional, a ligação é gratuita.

Consulta PIS online pela internet

Para realizar a consulta do PIS pela Internet, é necessário ter cadastro na Caixa Econômica Federal (https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CONVENIADO01). Caso você não tenha adastro ainda, não se preocupe, este pode ser feito em poucos minutos.

  1. Acesse o link da consulta PIS pela Internet;
  2. Digite o número do PIS;
  3. Digite a senha da internet – se você ainda não tiver, clique em “cadastrar senha”;
  4. Clique em “OK” na parte de baixo da tela

Ao finalizar o cadastro o beneficiário recebe uma senha, que é exclusiva para o acesso ao portal pela a internet, no site é possível verificar saldo, extrato e se você possui ou não direitos a alguns benefícios sociais.